Contracultura e Movimento Hippie

• Aluno (a): Dahanne Vieira Salles, Erick Miyasato, Fernando O. Viana, Gabriel Pereira, Marcelo Akeo Takiy, Marcus Borgonove, Marjorie Yuri Enya, Paulo G. Bastos, Rafael Farinaccio e Thiago A.R. Oliveir 

 

 

Introdução ao universo da contracultura e do movimento hippie.

 

A passagem da década de 50 para a década de 60 foi um período de grandes transformações na sociedade norte-americana. Os anos 50 trouxeram aos Estados Unidos um grande crescimento econômico e a sua consolidação enquanto superpotência capitalista perante o resto do mundo. Porém, estes avanços na economia surtiram impacto negativo em muitos setores da sociedade, que não viam os frutos da prosperidade do país e a riqueza serem distribuídos igualmente.

 

O que realmente acontecia era os ricos aumentarem cada vez mais seu poder aquisitivo e os pobres terem cada vez mais dificuldade de se estabelecer. Esta desigualdade, portanto, foi crescendo à medida que o mercado norte-americano se fortalecia e o que parecia progresso foi, passo a passo, descontentando parte da população.

Músicas: "The Times They Are A Changing" e "For What It’s Worth"

• Aluno (a): Alec Ichiro Ito, Caroline Gusman Anelli, Débora Machado Visini, Iris Czeresnia Kochen, José Augusto Romano Manhani, Laís Cardoso de Andrade, Luciana Saab e Michele Virgilio Aquino Dias.

 

Análise das letras "The Times They Are A Changing" e "For What It’s Worth" sob o primas do tema: Rebeldia e Juventude.

 

Bob Dylan - Times They Are a Changing

 

Filme: Woodstock, 3 Days of Peace & Music

• Aluno (a): Dahanne Vieira Salles, Erick Miyasato, Fernando O. Viana, Gabriel Pereira, Marcelo Akeo Takiy, Marcus Borgonove, Marjorie Yuri Enya, Paulo G. Bastos, Rafael Farinaccio, Thiago A.R. Oliveir 

 

1780-1

 

 

Análise do Filme WOODSTOCK, 3 DAYS OF PEACE & MUSIC sob o prisma do tema: Rebeldia e Junventude

 

Ficha Técnica

Título Original: Woodstock, 3 days of Peace & Music

Gênero: Documentário

Tempo de Duração: 184 minutos

Ano de Lançamento: 1970

Direção: Michael Wadleigh

 

O documentário Woodstock, 3 days of Peace & Music, é um relato ousado, captado ao vivo e a cores de um dos maiores eventos da contracultura do século XX. Ao contrário do que muitos pensam, esta não é uma reconstituição ou encenação do famoso festival e sim a compilação do material recolhido por Michael Wadleigh durante os dias do evento.

Filme: Hair

• Aluno (a): Dahanne Vieira Salles, Erick Miyasato, Fernando O. Viana, Gabriel Pereira, Marcelo Akeo Takiy, Marcus Borgonove, Marjorie Yuri Enya, Paulo G. Bastos, Rafael Farinaccio, Thiago A.R. Oliveir 

 

bphairthemoviebigjpeg

 

 

Análise do filme Hair através do prisma da Contracultura e do Movimento Hippie

 

Ficha Técnica

Título Original: Hair

Gênero: Musical

Tempo de Duração: 120 minutos

Ano de Lançamento (EUA): 1979

Estúdio: CIP Filmproduktion GmbH

Distribuição: United Artists

Direção: Milos Forman

 

O filme Hair, de Milos Forman, é uma adaptação de um musical da Broadway de mesmo nome (Hair: The American Tribal Love-Rock Musical), de autoria de Galt MacDermot, Gerome Ragni e James Rado, que fez estrondoso sucesso, sobretudo entre os jovens, durante o final da década de 60.

O filme conta a história de Claude Hooper Bukowski, um ingênuo jovem de Oklahoma convocado a juntar-se às forças armadas norte-americanas em combate na Guerra do Vietnã. Em seu caminho até Nova Iorque, o jovem conhece um grupo de Hippies, com quem passa seus últimos dias antes de se apresentar ao Exército.

Divulgar conteúdo